Please reload

últimos posts

TPI - World Golf Fitness Summit 2018

17 Oct 2018

1/5
Please reload

Entradas destacadas

Frio ou calor? qual é a melhor terapia no momento da dor

A confusão quanto ao tipo de terapía (quente ou frio) quando sentem dor, é enorme. As pessoas confundem o momento e o tipo de lesão onde o benefício é maior e esquecem algumas dicas preciosas que podem evitar que essa falta de informação possa causar ainda mais dano à lesão.

A bolsa de gelo ou de agua quente, além de ser uma terapia baratíssima e que cada um pode fazer sozinho em casa, pode trazer muitos benefícios no controle da lesão e alívio de dores.

A crioterapia (frio) já foi discutida em muitas pesquisas científicas e enquanto algumas citam que o processo inflamatório é normal e deve ser respeitado, a maioría afirma que o controle da dor e do inchaço é fundamental para a recuperação e principalmente para evitar a medicação mais forte que pode causar muitos efeitos colaterais.

 

Basicamente a regra é

Gelo é para ajudar a controlar a inflamação imediata à lesão 

Calor é para dores musculares crônicas e rigidez articular

 

 

Mas vamos elaborar um pouco mais a questão.

 

Quando usar gelo:

Um tornozelo torcido, ombro deslocado, estiramento muscular mais conhecido como Síndrome da pedrada, batida na cabeça, rompimento de ligamento, tendinites, fascite plantar, síndrome do tunel do Carpo, pós cirúrgico… ou seja todas as lesões onde ocorre inchaço imediato e acompanha muita dor. O gelo é uma maneira de diminuir o edema imediato da pele quente e avermelhada e aliviar um pouco a dor, mas não é um tratamento que vai curar a lesão em si. O gelo diminui a resposta metabólica, “adormece" os nervos da dor e promove constrição capilar (diminui o fluxo sanguineo) 

 

Precauções com o gelo:

  • Nunca aplicar a bolsa diretamente na pele, pois pode causar queimaduras graves. É sério, gelo queima!

  • Não ultrapassar os 15 minutos e a frequência de 2 em 2 horas

  • As bolsas com gelos são mais eficientes (atingem menor temperatura) do que aquelas de gel que compramos na farmácia

  • Gelo não se aplica em músculos doloridos como a dor lombar. Nestes casos o gelo pode até piorar a situação. A dor lombar é fadiga, overuse, compensações… raramente é lesão por impacto. A não ser que você tenha tomado um tombo e batido a região, sempre coloque calor.

  • Cuidado quando tiver rompimento da pele (feridas) o máximo de higiene nesta hora é essencial para evitar infeções

 

 

Quando usar calor:

Músculos doloridos, tensão na nuca, lombar e pescoço, articulações rígidas, nódulos musculares ou "trigger points" que é o nome tecnico daqueles pontinhos dolodirdos nos músculos que incomodam tanto, dor muscular tardía  causada pelo exercício… ou seja aplicamos calor em músculos ou articulações quando buscamos um relaxamento das fibras e liberação da mobilidade. O calor aplicado numa temperatura confortável ajuda a aliviar dores e relaxar fibras que estão super contraídas e em forma de nódulos doloridos e que pode ser causado por postura incorreta, excesso de estímulo e estresse emocional. O calor vai aumentar a circulação e facilitar a resposta imunológica.

 

Precauções com o calor:

  • Obviamente, não exagere na temperatura para evitar queimaduras. Use sempre um tecido para proteger a pele.

  • Não ultrapasse os 20 minutos

  • Nunca aplique numa ferida aberta. Neste caso somente gelo cuidando da limpeza do local

  • Aprenda a identificar dor muscular por nódulos (trigger point) da dor muscular por estiramento e contratura. A regra é, se a pele está vermelha e dolorida provavelmente é melhor colocar gelo, se a dor é pontual e sensível ao toque, provavemente é melhor calor. Mas na dúvida consulte um médico ou fisioterapeuta

 

 

 

Tags:

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Síguenos